Infelizmente, a dor nas articulações não é incomum em cães. A maioria dos casos de dor nas articulações é causada pela artrite, que é apenas o termo médico para inflamação das articulações.

Uma articulação é uma região do corpo humano onde dois ossos se encontram. Em articulações saudáveis normais, as superfícies de ambos os ossos são cobertas por costelas lisas e também o local onde elas combinam é lubrificado com fluido sinovial (articular). Isso permite que a junta se mova livremente, quase sem ferrugem. Se uma articulação é afetada por artrite, a cartilagem se quebra e se danifica, por isso não é lisa. Também pode haver alguma diminuição no fluido articular. Conseqüentemente, uma vez que os ossos da articulação se movem, eles se arranham, o que causa muito mais danos. Isso causa dor e redução da liberdade. Finalmente, a maior fricção ativa a criação de osso e também torna a articulação ainda menos portátil. Isso é atualmente conhecido como um distúrbio articular degenerativo e piora com o tempo.

Causas De Dor Nas Articulações Em Cães

Existem 3 tipos de artrite em cães.

  • Osteoartrite em cães

A osteoartrite é ocasionalmente chamada de artrite degenerativa ou talvez doença degenerativa das articulações. A osteoartrite pode ocorrer em quase qualquer cão, mas é mais prevalente em criaturas mais velhas. Com o passar do tempo, algum desgaste das articulações é inevitável. Cães ativos e trabalhadores podem ser mais vulneráveis, pois suas articulações precisam trabalhar mais. Além disso, os cães obesos correm mais risco, pois o excesso de peso exerce uma grande pressão sobre as articulações. Danos causados por acidentes nos ligamentos ou ossos de uma articulação também podem ativar a osteoartrite.

De vez em quando, a condição pode se desenvolver em cães mais jovens. Isso está frequentemente relacionado a uma dificuldade congênita (hereditária) com a maneira como a articulação é organizada. A anormalidade pode resultar em um aumento da tensão na articulação e isso, por sua vez, contribui para o início precoce da artrite. Um caso normal em questão é a má conformação que algumas cepas têm na articulação do quadril e isso pode ser conhecido como displasia do quadril. Raças maiores, como labradores, Golden retrievers e pastores alemães, são mais propensas a contrair essa doença. A osteoartrite pode ser tratada com medicamentos ou cirurgia e suplementos nutricionais também podem ajudar.

  • Artrite séptica em cães

A artrite séptica é essencialmente uma doença fúngica ou bacteriana do fluido articular. A bactéria ou fungo ganhou acesso a esta articulação e isso pode ser depois de uma fratura grave do osso ou após uma cirurgia.

Pode ser tratada, mas é difícil. Quando o motivo da doença for demonstrado, seu cão precisará de medicamentos antifúngicos ou antibióticos e pode demorar um pouco para resolver. Muitos cães com artrite séptica desenvolvem osteoartrite da articulação, pois a doença causa danos permanentes. É necessário que os cães com artrite séptica sejam tratados imediatamente.

  • Poliartrite Imunomediada em Cães

Isso é causado pelo próprio sistema imunológico do cão que ataca as articulações. É a versão canina da artrite reumatóide, que é uma doença articular dolorosa em humanos. Os glóbulos brancos do corpo produzem anticorpos que atacam as articulações e causam muitos danos. A articulação fica inflamada e dolorida. Também há uma redução do movimento.

Ninguém sabe ao certo o que o causa. Alguns especialistas sugerem um URL para vacinação excessiva ou para alguns tipos de medicação. Outros sugerem que é uma reação a doenças crônicas. De vez em quando, não há nenhuma causa óbvia. Pode afetar qualquer uma ou todas as articulações que envolvem a coluna vertebral. Algumas articulações podem ser afetadas mais do que outras.

Caso seu amigo esteja sentindo dores nas articulações, há muito que você pode fazer para ajudá-lo. Eles têm que ser avaliados pelo seu veterinário e podem então tirar proveito de medicamentos, suplementos ou talvez cirurgia.

A dificuldade que você tem é tentar ver que eles estão com dor no primeiro local. Aqui está um guia que irá ajudá-lo.

Evidentemente, seu cão não pode dizer que está com dor ou esclarecer onde e se dói. Conseqüentemente, você precisa se tornar um especialista em interpretar o que está acontecendo a partir da maneira como eles estão se comportando. Você pode dizer muito celebrando seu cão com cuidado. Listados abaixo estão os 7 sinais indicadores de dor nas articulações que você deve estar atento.

  • Mancando

Esta é a indicação tradicional de que um problema articular também não é difícil de detectar. Você perceberá que seu cão está evitando colocar peso em um membro específico. Observe-os cuidadosamente enquanto eles andam em volta para que você possa identificar que o membro mudou. A claudicação é freqüentemente pior quando eles acordam após deitarem por um bom tempo. Você observará que mancar fica muito melhor à medida que o cão acorda andando um pouco. Não se deixe enganar. O assunto ainda precisa ser pesquisado.

  • Declínio de Agilidade

No caso de um cachorro que hoje conseguiu pular na traseira de um carro olhar para você quando você o deixa entrar, é uma indicação segura de que algo não está certo. A redução da liberdade e da resistência é uma indicação indicativa de artrite. Não é mais fácil para eles se locomoverem, portanto, eles evitam se mover. As escadas também podem ser bastante difíceis de conseguir. Essa falta de movimento pode fazer com que ganhem peso. Eles não estão queimando calorias como costumavam fazer. Infelizmente, a obesidade piora os sinais de artrite, pois o excesso de peso sobrecarrega as articulações. É um círculo vicioso e você quer intervir para quebrá-lo.

  • Infecção

Existem muitas causas possíveis para a exaustão em cães, como doenças, diabetes e doenças cardiovasculares. Tudo isso precisa ser verificado pelo seu veterinário. Um cão com artrite pode dedicar mais tempo dormindo ou descansando. Eles podem não gostar tanto de caminhadas porque sim e podem preferir caminhadas mais curtas em vez de longas caminhadas. Informe o seu veterinário se isso ocorrer e não defina apenas para a velhice!

  • Problemas de coluna

A artrite espinhal é freqüentemente causada por poliartrite imunomediada. É muito provável que outras articulações também tenham sido alteradas. Seu cão vai ficar com dor de garganta e nas costas, e eles vão demonstrar isso abraçando um palpite nas próprias costas. Você provavelmente observará essa mudança na posição deles. Eles também podem estar desamparados em uma ou em ambas as patas traseiras e podem ter grande dificuldade para andar. Isso deve ser investigado imediatamente pelo seu veterinário.

  • Irritação e Depressão

Estar em constante dor não é uma piada. Seu cão não pode dizer que está com dor, mas seu caráter pode mudar. Isso deve alertar sobre como algo não está certo. Muitos cães demonstram que estão com dor por estarem irritados ou tristes. Os cães são normalmente criaturas bastante sociáveis e extrovertidas, desesperadas para agradar a seus donos. Um cão que está irritado ou deprimido pode se tornar eloqüente ou retraído. Eles podem se esconder e se recusar a se socializar com você. Eles podem ter dificuldade para dormir e podem parar de comer. Fale com o seu veterinário imediatamente se isso ocorrer.

  • Perda de massa muscular

Quando um cão não consegue usar seus músculos como costumava fazer, esses grupos de músculos ficam maiores. O termo médico para isso é atrofia muscular. Os músculos enfraquecem porque não são usados. É uma doença localizada que ocorre nos músculos ao redor da articulação. Conseqüentemente, se seu cão estiver sentindo dores nas articulações do joelho, você observará o desgaste muscular nessa área. A perna parecerá mais fina quando comparada com a outra. O problema costuma ser reversível depois que a dor nas articulações foi aliviada.

  • Morder e lamber um baseado

Se um cão estiver com dor em uma parte específica do corpo, eles tentarão controlar o sofrimento. Para seu cão, a dor da gota pode ser sentida como se ele tivesse uma ferida ou um corpo estranho da epiderme. Eles tentarão torná-lo mais simples mordendo ou mastigando o baseado ou massageando-o também.

Você vai pegar seu cachorro fazendo isso com frequência e isso pode direcionar um para aquela junta que está causando a angústia. As lambidas e arranhões incessantes também podem causar inflamação localizada da pele, de forma que ela pode parecer inchada ou vermelha. Também pode haver manchas de cabelo perdidas na região afetada.

Agora você sabe que os 7 sinais de dor nas articulações podem estar atentos a todas essas mudanças em seu cão. A maioria das dores combinadas é administrável com a ajuda de seu veterinário, portanto, de maneira ideal, seu cão logo se sentirá melhor.