Os antioxidantes são uma parte necessária da dieta humana. Especialistas em nutrição animal agora estão reconhecendo que essas moléculas muito pequenas também podem ser vitais na dieta canina. Há muitas vantagens em incluir antioxidantes adequados na comida de cachorro e você deve tê-las visto na etiqueta de ração firme ou enlatada de seu cão. Para você ficar a par de tudo, aqui está o que você deseja entender sobre esses micronutrientes essenciais e como eles podem beneficiar seu cão.

O Que São Antioxidantes?

Antes que seja possível entender a função dos antioxidantes, você precisará aprender sobre os radicais livres. Trata-se de um tipo de molécula produzida quando o oxigênio dentro do corpo se divide em moléculas únicas, uma resposta conhecida como oxidação. Essas moléculas são altamente reativas e percorrem o corpo em busca de moléculas reativas adicionais com as quais se ligar. Isso causa danos às proteínas, células e DNA e leva a doenças como o câncer. Você encontrará radicais livres nos arredores, então não é possível para o cão evitá-los.

Os antioxidantes são compostos que evitam o processo químico de oxidação e, assim, evitam que os radicais livres prejudiciais sejam gerados. Eles são basicamente vitaminas, minerais ou enzimas, mas podem ser outras substâncias químicas. Eles atuam impedindo que os radicais livres causem danos às células do corpo do seu cão, transferindo seus elétrons para o radical livre e tornando-o mais seguro. O radical livre não tenta responder com DNA ou faz com que os lipídios oxidem e o dano é evitado. No entanto, o ponto significativo é que, quando o antioxidante cedeu um elétron a um radical livre, ele pode não fazer isso novamente. Portanto, seu cão deseja um suprimento constante de radicais livres de sua dieta.

Como Os Antioxidantes São Adicionados à Comida Para Cães?

Como Os Antioxidantes So Adicionados  Comida Para Ces

Então, agora que você entende que os antioxidantes são uma parte desejada da dieta de seus cães, como ter certeza de que seu cão está se tornando o suficiente deles?

Alguns dos antioxidantes mais eficazes são apresentados a seguir. Se você vir que eles são chamados na lista de suplementos dos alimentos para cães, pode ter certeza de que estão recebendo alguns antioxidantes.

  • Vitamina A: Este antioxidante é particularmente vital para o crescimento e reparação do tecido corporal, para manter a pele e as membranas mucosas saudáveis e como a visão.
  • Vitamina C: pode ser essencial para a cicatrização de feridas, para fortalecer a pele e os vasos sanguíneos e para resistir e combater doenças.
  • Vitamina E: contribui para retardar o envelhecimento celular, fortalece os tecidos e as paredes brônquicas e mantém a pele saudável.
  • Selênio: Isso também pode retardar o envelhecimento celular, promove a elasticidade do tecido e retém o tecido saudável.
  • Carotenóide: Todos esses compostos são altamente eficazes na prevenção da peroxidação lipídica e, portanto, ajudam a evitar doenças degenerativas. Eles também são extremamente benéficos para as membranas oculares e previnem a catarata.
  • Ácido alfa lipóico: este antioxidante anti-envelhecimento pode eliminar os radicais hidroxila e eliminar metais pesados. Desempenha um papel importante em ajudar diferentes antioxidantes a operar de forma mais eficiente e regenerar.
  • Coenzima Q10: Esta enzima fortalecerá o músculo cardíaco do seu cão e aumentará o metabolismo dos carboidratos, além de prevenir a oxidação.

A melhor maneira de obter antioxidantes na dieta de seu cão é por meio de alimentos naturais. Fique atento a eles na lista de componentes. Você deve estar atento para mirtilos, framboesas, amoras, wolfberries e romãs. Fique atento também a vegetais de folhas verdes escuras, brócolis, beterraba, cenoura e ervilha. Em um plano de dieta humano, esses alimentos são conhecidos como superalimentos, pois são ótimos para você, assim como a dieta de um cão não é diferente.

Quais São Os Benefícios Para A Saúde Dos Antioxidantes Nos Alimentos Para Cães?

A adição de antioxidantes à dieta de seus cães traz benefícios para a saúde. Seu cão ficará exposto a muitos compostos prejudiciais ao meio ambiente, como poluição do ar, inseticidas, pesticidas e fumaça de cigarro. Isso inclui os radicais livres que acabarão por causar danos ao corpo do seu cão.

Todos os cães podem se beneficiar de uma dieta rica em antioxidantes, mas alguns cães precisam deles em detrimento de outros. Se seu cão tem algum desses problemas de saúde, você precisa falar com seu veterinário a respeito de alterações na dieta que aumentariam o consumo de antioxidantes.

  • Problemas articulares degenerativos e moderados como displasia da anca e artrite.
  • Alergias que causam problemas de pele, como coceira, vermelhidão, descamação e pontos quentes.
  • Problemas com a membrana do olho, incluindo catarata.
  • Problemas respiratórios, incluindo asma e tosse.
  • Doenças autoimunes como lúpus eritematoso sistêmico (LES), anemia hemolítica autoimune (AIHA) e poliartrite imunomediada.
  • Doenças crônicas que desencadearam uma resistência reprimida.
  • Distúrbio cardíaco persistente.
  • Câncer

Muitos estudos indicaram os benefícios dos antioxidantes para a saúde na dieta de cães. Vários estudos com cães adultos revelaram que uma dieta rica em antioxidantes ajuda os cães idosos a aprender tarefas complicadas melhor do que os cães em dietas regulares. Os cientistas informaram que o resultado é causado pelos antioxidantes que evitam o dano oxidativo no cérebro dos cães relacionado com o envelhecimento.

Outros estudos revelaram que o consumo de alimentos enriquecidos com antioxidantes para cães com mais de sete anos reduz a prevalência de alterações comportamentais esofágicas causadas pelo declínio cognitivo envolvendo lambidas excessivas e ritmo padronizado. Os cães que comiam uma grande quantidade de antioxidantes eram melhores em reconhecer parentes junto com outras criaturas e eram mais ágeis. Também foi demonstrado que os antioxidantes ajudam nas alergias e também promovem a ação do sistema imunológico.

Em conclusão, não há dúvida de que a maioria dos cães poderia ganhar com a ingestão de antioxidantes adicionais em sua dieta. Eles podem ser usados naturalmente com vegetais e frutas saudáveis ou como suplementos nutricionais. Alguns cães com doenças crônicas se beneficiariam particularmente com a inclusão de carboidratos em sua dieta. Se você não tiver certeza, sempre converse com seu veterinário para obter alguns conselhos. Eles terão a capacidade de informá-lo sobre quais antioxidantes são mais adequados às necessidades de seus cães, de acordo com sua idade, raça, tamanho e estilo de vida.