Não há necessidade de deixar seu cão no frio quando se trata de proteger suas patas durante o inverno. Brincar com seu filhote na neve e fazer caminhadas no inverno são apenas algumas das razões pelas quais o inverno é divertido para o cão, mas essas atividades os colocam em risco de ferimentos, queimaduras e garras quebradas. Aqui, discutiremos como proteger as patas de um cachorro no inverno , para que você e seu amigo peludo possam aproveitar o tempo juntos sem estresse.

Proteger as patas dos cães no inverno costuma ser tão simples quanto limpar e verificar as patas dos cães depois de caminhadas, ou tão complexo quanto usar apenas descongelantes seguros para animais de estimação. A melhor abordagem depende de onde você mora, da tensão de seus cães e também dos produtos aos quais você tem acesso.

Como O Inverno Afeta As Patas Do Seu Cão?

Embora os fossos de seus animais de estimação sejam mais resistentes do que nossos próprios pés, eles não são imunes a substâncias irritantes, toxinas e elementos perigosos que vêm com o inverno. As patas do seu cão são vulneráveis a temperaturas de congelamento, gelo, descongelantes compostos e aditivos como cálcio. Esses irritantes podem causar ressecamento, rachaduras, queimaduras químicas e ulcerações nas patas dos filhotes. Sem tratamento, esta irritação pode desgastar as almofadas do seu cão, resultando em infecções e dores intensas, que muitas vezes requerem medicação e cirurgia.

Como Proteger As Patas Do Seu Cachorro Em Climas Frios

Você quer o melhor para seu cão, então é razoável imaginar como proteger as patas de um cão contra o inverno. Continue lendo para descobrir os melhores métodos para reduzir as lesões de seu cão!

Utilize Desinfetantes Mais Suaves

À medida que as temperaturas despencam, muitos proprietários de residências e empresas usam sal para proteger seus clientes bípedes de quedas e escorregões. Infelizmente, esse sal coloca os pés de nossos amigos peludos em risco. Além disso, alguns cães comem sal involuntariamente quando lavam as patas. Isso pode causar desconforto no estômago se seu cão consumir muito sal. Nada bom!

Os sais tradicionais para derreter gelo incluem cloreto de cálcio e cloreto de cálcio. Esses derretedores de gelo são exotérmicos, o que significa que eles criam calor à medida que se dissolvem. Por criarem calor, além de possuírem atributos higroscópicos,
os sais tradicionais podem secar seus cães. Os descongelantes que aceitam animais de estimação são feitos com acetato de cálcio e magnésio, cloreto de potássio ou ureia. Essas opções são menos perigosas para os animais de estimação, mas são mais caras e operam mais lentamente do que os degeladores tradicionais. Em vez de usar descongelantes, alguns proprietários optam por usar auxiliares de tração. Os auxiliares de aderência poderosos incluem cascalho, areia, aparas de madeira e minerais vulcânicos, todos os quais são seguros para seu cão, a menos que consumam quantidades substanciais.

Paw Wax Or Balm

Manter as patas de seus filhotes hidratadas pode ajudar a prevenir rachaduras, ressecamento e descamação das almofadas. Cera de pata cria uma barreira protetora entre as almofadas de seus filhotes e irritantes que podem prejudicar suas patas. A cera é simples de usar e está prontamente disponível. Da mesma forma, cremes e pomadas hidratantes fazem maravilhas no tratamento de patas de cachorro rachadas e secas. Isso não só ajuda a proteger as almofadas, mas, além disso, alivia qualquer irritação na pele ou arranhões que já possam estar presentes!

Botas De Cachorro

Botas de cachorro podem ajudar a proteger as patas de seus vira-latas de acidentes causados pelo frio. As raças de brinquedo e de pequeno porte, que mais lutam para manter o calor, são as que mais se beneficiam com as botas. A pegada? Não são muitos os cães que os usam voluntariamente. Mas, com um pouco de paciência e persistência de sua parte, você pode apenas ter a capacidade de dar a eles uma camada excessiva de proteção contra danos. Certifique-se de recompensar seu filhote por cooperar com suas novas botas extravagantes a cada passo do caminho! Com isso dito, a maioria dos cães se recusa a usar botas porque elas não são naturais e podem ser desconfortáveis. Assim, ao escolher botas novas para seus cães, certifique-se de que sejam feitas com um pano confortável e que sejam grandes o suficiente para os pés dos filhotes. Nunca puna seu cão por se recusar a usar botas de cachorro.

Limpe As Patas Do Seu Cachorro

Depois de brincar na neve, as almofadas do seu cão provavelmente terão sofrido o impacto de suas aventuras. Certifique-se de verificar e limpar as almofadas das patas de todos os seus cães depois de sair no frio, especialmente em áreas onde o sal é frequentemente espalhado nas calçadas.

Se você deu banho em seu cachorro antes, descobrirá que é simples lavar as patas de seus filhotes. Depois de verificar minuciosamente se há detritos, farpas e irritação no colo, é hora de trazer uma toalha quente e úmida. Usando sua toalha, limpe suavemente as patas, o que garante uma massagem nas almofadas e entre os dedos dos pés. Isso pode ajudar a derreter qualquer neve, hóquei na neve ou bolas de gelo que estejam presas entre os dedos dos pés do seu cão, o que pode resultar em irritação ou mesmo em acidentes se puxado com as mãos. Se você preferir limpar os pés do seu cão com um xampu suave para cães, certifique-se de secá-los completamente para evitar doenças e cheiros desagradáveis.

Trim Nails

O seu cão precisa do corte das garras? Enquanto brinca na neve e no gelo, seu cão corre o risco de se machucar se suas unhas forem muito longas. Isso ocorre apenas porque suas
unhas podem rachar, rasgar, rachar ou talvez se soltar completamente quando seu cãozinho brincalhão atravessa a neve crocante ou avança gelo. Além disso, as unhas alongadas podem ficar presas nas botas do cachorro, caso você use um conjunto para proteger as patas do cachorro. Para evitar essas lesões debilitantes nas unhas, é importante manter-se atualizado com a manutenção das patas de seu cão.

É importante manter as unhas de seus filhotes aparadas no comprimento apropriado durante todo o ano. Mas quão curtas se as unhas forem? Como um guia aproximado, você pode cortar a unha de modo que fique nivelada com a parte inferior da almofada da pata. Se você consegue ouvir as unhas de seus cães no chão enquanto caminham, provavelmente as garras deles são muito longas para eles. Se você não está confiante em aparar as unhas de seu animal de estimação por conta própria, considere marcar uma consulta com um tratador experiente de cães ou um veterinário para obter uma sessão especializada em aparar as unhas.

Grooming Regular

Se seu cão tem pêlo crescendo entre os dedos, bolas de gelo, neve e sal podem grudar nesses tufos. Isso pode causar angústia para um vira-lata amado, além de irritação e escoriações . Não apenas isso, mas o acúmulo de pelos entre os dedos dos pés torna difícil para o cão andar. Então, como você evita que essa situação embaraçosa apareça?

Para aparar o pêlo das patas dos cães, sua ferramenta mais importante são pequenas tesouras. Muitos tosadores desaconselham o uso de tesouras convencionais, pois aumentam o risco de cortar as almofadas do seu cão. Embora ainda seja possível ferir as patas de seus cães usando um alicate, o perigo não é tão grave. Para começar a aparar o cabelo, mantenha as patas do cachorro firmemente com uma das mãos e a tesoura ou tesoura com a outra. Você terá que dispersar suavemente os dedos dos pés para conseguir colocar o cabelo entre eles. Você pode parar de cortar o cabelo, uma vez que está liso com as almofadas do seu cão.

Esteja Atento à Sua Temperatura

Embora seu cãozinho tenha um casaco de pele quente o ano todo, há limites para as temperaturas que ele pode tolerar.
A raça, a idade e o estado de saúde de seus cães são fatores importantes para determinar as temperaturas que seu amigo peludo pode tolerar. Por exemplo, cepas diferentes têm tolerâncias diferentes. Seu pastor alemão, Akita ou São Bernardo tem uma camada espessa para ajudar a protegê-los dos elementos agressivos. Por outro lado, os cães pequenos ou de pêlo curto frequentemente se pegam tremendo de frio ao ar livre. Qualquer condição física que seu cão enfrente, como artrite e displasia de quadril, é agravada pelo resfriado.

Como regra geral, os cães médios e mais saudáveis podem caminhar por meia hora em temperaturas acima de 20 graus F. Os cães menores devem passar por experiências de inverno mais curtas, e apenas quando a temperatura está entre 20 e 32 graus F. Não importa seus cães raça, a melhor estratégia é conhecer o seu cão! Concentre-se nos sinais que eles mostram que você está em uma experiência. Se o seu cão estiver tremendo, em pé com uma postura curvada ou mostrando sinais de congelamento, certifique-se de colocá-lo dentro de casa imediatamente.

Existem certas temperaturas que os cães não conseguem suportar.

Como Tratar As Patas Feridas De Um Cão No Inverno?

Como dono apaixonado, você sempre faz o possível para proteger seu cão de lesões. Mas, não importa quantos passos você dê, acidentes ainda podem ocorrer com seu amado cão. Se seus cães estiverem feridos, não entre em pânico. Se você estiver em dúvida sobre sua capacidade de oferecer primeiros socorros às feridas de seu cão, vá sempre direto a um veterinário para cuidados profissionais. Você também deve procurar atendimento veterinário para uma ferida que não para de sangrar, tem uma doença, é profunda ou causa grande desconforto ao seu animal de estimação. Obter ajuda rapidamente dá ao seu cão uma visão melhor e garante que ele se sinta melhor com muito mais rapidez.

Calmante Queimaduras

Os cães mais resistentes podem sofrer queimaduras químicas, principalmente de descongelantes convencionais. Se as patas de seus cães estiverem queimadas, eles mostrarão sinais de desconforto, como segurar a pata, mancar, vocalizar ao andar, lamber a pata e relutar em andar. As queimaduras também podem ser observadas a olho nu e, na maioria dos casos graves, a almofada da pata preta ficará avermelhada. Você também pode notar bolhas nas almofadas.

O tratamento dessa queimadura de pata é baseado na extensão do dano. No instante em que notar que seus cães estão queimando, certifique-se de colocar
as patas deles em água fria ou usar uma compressa fria. Se as queimaduras de seus cães forem intensas, é melhor levá-los direto ao veterinário. Muitas vezes, o veterinário terá que fazer um curativo na pata do seu cão e iniciar o tratamento com antibióticos. As queimaduras nas patas infeccionam rapidamente, por isso é importante evitar doenças antes que se instalem. Além de antibióticos, alguns cães se beneficiam do uso de botas macias ou meias para evitar mais ferimentos nas patas.

Olhe Seguindo A Ferida

O primeiro passo para tratar a ferida do seu cão seria limpá-la completamente. Verifique se há detritos e objetos estranhos como vidro e, se possível, use uma pinça para removê-los com cuidado e desinfete a ferida com sabão antibacteriano neutro ou Betadine . Se os detritos estiverem bem dentro da pata, deixe-os em paz. Corpos estranhos mais profundos devem ser removidos por um veterinário profissional, que pode sedar seu filhote, se necessário.

Seu próximo passo seria aplicar pressão sobre a ferida com uma toalha limpa por alguns minutos. Se o sangramento não parar em 10 minutos, procure atendimento veterinário de emergência. Quando parar, contenha a ferida usando uma compressa de gaze e curativo. É importante cobrir os pés ao enrolar a bandagem para evitar que inchem. No entanto, sempre verifique se o curativo não está muito apertado em seu cão. Você deve conseguir encaixar dois dedos entre a bandagem e a perna do cachorro. Para reduzir a infecção, certifique-se de trocar o curativo diariamente. Se a condição do seu cão não melhorar em alguns dias, é hora de receber assistência veterinária.

Recuperando-se Na Lesão

Depois que você e seu animal de estimação deixarem o consultório do veterinário, cabe a você acompanhar a cura de seus cães. Certifique-se de
obedecer às diretrizes que seu veterinário estabelece para você. Isso pode incluir trocas regulares de curativos, administração de antibióticos, restringindo os níveis de ação do seu cão e mantendo a ferida limpa com medicamentos especiais. Se você vir algo de errado com seu cão, ou se ele não melhorar no período de tempo em que o veterinário vai sair, certifique-se de marcar uma consulta de acompanhamento para tratamento posterior.

Em caso de dúvida sobre a saúde do seu cão, sempre vale a pena chamar o seu veterinário de emergência. Assim, eles podem decidir se seu animal de estimação precisa de atenção urgente. É muito provável que seu cão necessite de atendimento urgente caso tenha dificuldade para respirar, esteja inconsciente, vomite profusamente ou revele inchaço ao redor da cabeça ou rosto. Estes sinais podem indicar uma doença na pata do seu cão, que pode resultar em sépsis se não for tratada.

Perguntas Frequentes Sobre Como Proteger As Patas De Um Cachorro No Inverno

Tem mais perguntas sobre como proteger as patas de um cão no inverno? Não hesite em consultar nossa seção de Perguntas Freqüentes para obter mais detalhes. Se não tiver certeza sobre a saúde do seu animal de estimação, sempre peça conselho ao seu veterinário.

O que posso colocar nas patas secas dos meus cães?

Se o seu cão tem patas secas, existem muitas opções de tratamento disponíveis para você pessoalmente, mas qual é a melhor alternativa para o seu cão mimado? Bálsamos de pata de cachorro são especialmente formulados para serem seguros para seu cão mimado! Existem muitos bálsamos para as patas no mercado feitos com toneladas de ingredientes calmantes, hidratantes e curativos, incluindo óleos naturais e manteiga. No entanto, como com qualquer produto feito para cães, os bálsamos para as patas não são um sucesso para muitos cães. Alguns cães não gostam do cheiro de bálsamos para as patas, e nem todos os bálsamos são suaves o suficiente para serem absorvidos pelas almofadas antes de serem lambidas.

Além de pomadas e cremes específicos para cães, há muitos produtos básicos de supermercado que podem ajudar seu filhote.O óleo de coco virgem cru funciona como uma pomada tópica, e apenas uma pequena quantidade é necessária para ajudar seus cães a secar as unhas dos pés. O azeite de oliva não é apenas útil na dieta do seu cão, mas também pode ajudar a hidratar as unhas dos pés secas. Certifique-se de esfregar bem o óleo. Você não ficará surpreso em saber que a manteiga de karité é outra base para patas secas de cachorro. Não só pode ser seguro para cães em pequenas quantidades, mas também ajuda a acalmar as patas secas, hidratando-as e amaciando-as.

Como posso evitar que meu cachorro lamba as patas? Para desespero de muitos proprietários preocupados, os cães desejam instintivamente lamber suas feridas. Embora a saliva do cão tenha algumas propriedades antibacterianas, seus efeitos são extremamente leves, e permitir que o cão lamba os ferimentos nas patas só vai piorar as feridas. Seu veterinário pode sugerir que seu cão use uma coleira elizabetana, também conhecida como cone, em seu filhote persistente para evitar que ele latir. Este cone corresponde ao pescoço do seu cão e vai para fora para
impedir que a língua do seu cão alcance a sua própria pele. Infelizmente, o cone nem sempre dá certo e alguns cães ainda conseguem atingir as patas. Não é bom!

Se o seu cão continuar a lamber as patas machucadas, o veterinário pode sugerir que coloque botas ou uma meia para evitar que lambam.

Medidas físicas podem não ser suficientes para impedir o hábito de lamber as patas dos cães.
Certifique-se de fornecer distrações para seu cão quando ele começar a lamber as feridas. Por exemplo, dê a eles um brinquedo interativo contendo comida para ocupar sua atenção.

Posso colocar vaselina em cachorros?

A vaselina pode ser aplicada nas patas de um cão em pequenas quantidades, mas tenha cuidado. Este produto atua como laxante quando consumido em excesso. Além disso, também pode ser facilmente lambido das patas e ingerido, o que significa que seu cão corre risco de náuseas e vômitos caso você use o produto com frequência. Se as almofadas do seu cão são estéreis devido ao frio, considere escolhas mais seguras para animais do que vaselina. O seu veterinário terá a capacidade de indicar a direção certa ao comprar produtos para as patas dos cães!

Você pode colocar óleo de coco nas patas dos cachorros?

O óleo de coco extra virgem pode ser utilizado nas patas de um cão. Este óleo não é apenas seguro para cães, mas também é naturalmente antibacteriano! O óleo de coco proporciona alívio para patas secas e coceira e ajuda a curar pequenos cortes e feridas. Apenas certifique-se de esfregar óleo de coco bem, para que seu cão não fique tentado a lambê-lo antes que ele possa trazer qualquer benefício para suas almofadas.

Já falamos sobre como proteger as patas de um cachorro no inverno ? Vamos recapitular. Aplicar cera de patas ou bálsamo, aparar as unhas de seu cão, colocar botas em seu cão e limpar frequentemente as patas de seu cão são apenas algumas maneiras de proteger seu cão contra os elementos. Com isso dito, aproveite suas aventuras de inverno junto com seu amigo peludo!