Embora as coleiras convencionais ainda estejam sendo usadas, a maioria dos homens e mulheres prefere usar implantes de microchip para garantir que seus cães voltem em segurança sempre que se perderem. Pelo menos oito milhões de animais de estimação se encontram em abrigos anualmente e apenas alguns são resgatados, provavelmente porque não havia nenhum método para os proprietários saberem de sua localização após se separarem deles. Quem os encontrou não tinha como fale com o proprietário. Para resolver o problema de não conseguir descobrir o seu animal de estimação depois de ele se transformar em um animal de estimação, os especialistas criaram esses microchips que são tão pequenos, mas oferecem as informações cruciais para a restauração do seu animal.

Considerando toda a tecnologia que parece envolvê-lo, muitas vezes nos perguntamos quanto custará obter um cão com microchip. Antes de entrarmos em tudo isso, observe apenas que o preço de um cachorro com microchip não é nada comparado à paz de espírito que ele traz para o dono do cachorro. Você pode dormir bem à noite sabendo que a segurança do seu cão está garantida. Além de colocar a coisa em um animal de estimação, você encontrará coisas adicionais para estar ciente se for provável que seu cão seja microchipado. Então, o que exatamente é aquele cão com microchip, como funciona e quanto custa para microchipar um cão? Aprendemos mais sobre os fatos para tornar tudo mais fácil para você.

O Que é Microchip E Como Pode Funcionar?

Microchip é um processo fácil que envolve um processador muito pequeno sendo colocado sob a pele de seus animais de estimação, em vez entre as omoplatas (nas quais eles têm pele solta) por meio do suporte de uma agulha). O microchip vem em um aplicador estéril e em alguns segundos, o procedimento pode ser concluído sem o uso de anestesia. Mas, preparar a papelada pode levar mais tempo para terminar.

Como frequentemente mal interpretado, um microchip não é um GPS que informa a localização do seu cão em um determinado momento. Em vez disso, é um aumento de identificação por radiofrequência (RFID) que dá ao seu cão uma identificação permanente. Este implante não tira proveito de bateria, portanto, a vida útil não tem limitação e não precisa ser substituída com o tempo. Um microchip armazena eletronicamente os dados necessários para detectar seu próprio cão e isso consiste em seus dados de contato que você fornecerá durante o procedimento de registro.

Fundamentalmente, reunir-se com seu cachorro desaparecido começa com alguém encontrando-o e levando-o para um abrigo de animais, onde será feita uma varredura no cachorro em busca de microchips. Cada microchip possui um número de identificação excepcional que pode ser lido por meio de um scanner de microchip. Quando o scanner lê a quantidade de processadores, o trabalho de localizar o proprietário é posteriormente empurrado para a empresa que fez o processador. A quantidade é então utilizada para extrair os dados de contato do dono do animal. Embora muitos animais de estimação utilizem coleiras junto com as informações do proprietário, os microchips são mais confiáveis no sentido de que eles não podem cair ou serem eliminados, como as etiquetas, e podem ser lidos em qualquer lugar e em qualquer lugar.

À luz disso, será importante alertar o banco de dados federal de recuperação de animais de estimação sobre quaisquer modificações feitas em suas informações de contato. Se por algum motivo você mudar seu número de telefone, é muito importante atualizar as informações do microchip do seu cão, pois é a única maneira de permanecer relevante e se você está se perguntando, não precisa extrair o microchip para poder atualizar as informações . O número de identificação é tudo que você precisa para acessar as informações e fazer as alterações necessárias.

Pode Ser Um Microchip Prejudicial Para Seu Animal De Estimação?

Não faz mal se tomar uma vacina e não requer a ajuda de um veterinário para colocar o implante no lugar. É, no entanto, aconselhável fazê-lo em um consultório veterinário para evitar complicações que podem acontecer se o processo não for concluído corretamente. Nesses casos extremamente raros, a criatura pode sofrer danos mortais à máquina. Em raras ocasiões, algumas criaturas podem criar tumores em torno do local onde o microchip foi colocado. Este não é um problema frequente entre as inúmeras criaturas com implantes de microchip e não deve ser um problema, uma vez que o processo é realizado por um especialista.

O bom é que você só precisa fazer isso, embora não custe muito. O custo para encontrar um cão com microchip vale muito a pena se você gosta tanto do seu animal de estimação e não gostaria de se separar dele. No entanto, quanto isso custa para microchipar seu cão? Se você comprá-lo implantado em um consultório veterinário, a despesa para receber um cão com microchip pode ir de € 45,00 a € 50,00. Mas quando o implante é definido durante um exame padrão no consultório veterinário, pode não ser caro.

Há também a opção de ir aos abrigos de animais locais, lojas de animais ou aulas de resgate, onde você pode desfrutar dos serviços sem preço excessivo ou por um preço muito barato. Depende essencialmente do tipo de microchip que seu animal deseja e de qual você estamos plantando, mas na maior parte, simplesmente custa com uma Seleção de € 25,00 para

Adquirir o microchip implantado em seu cão é apenas uma parte deste procedimento e é reduzido a nada se a inscrição não for realizada corretamente. Registrar o microchip pode custar um pouco mais, dependendo de onde você fez o implante. Alguns soquetes cobram adicional para registrar o processador com suas informações de contato e isso deve ser € 20,00. Por outro lado, a cobrança pelo registro do processador pode estar contida em tudo o que você pagou para tê-lo plantado.

Uma vez implantado e inscrito, o cão com microchip continua ao longo da vida do animal de estimação e não haverá necessidade de mandá-lo fazer ou mesmo consertá-lo, pois não está previsto que ele se rompa.

Melhor Microchip Para O Cão

Fale com o veterinário ou oficiais do abrigo de animais em sua região para ter certeza de qual será o melhor para o animal. Aparentemente, muitas empresas estão produzindo esses processadores e alguns scanners são criteriosos ao estudá-los. Isso apenas sugere que o processador que você implantou em seu cão pode não ser legível usando todos os scanners usados no escudo em sua região e isso é um problema.

Além disso, alguns chips não são vistos quando um scanner incompatível é usado para procurá-lo, em vez de todos os abrigos possuirem o scanner universal que está previsto para controlar todos os processadores. No entanto, o indivíduo que realiza a varredura deve tomar mais medidas, uma vez que esses chips migram com frequência e você pode estar fazendo a varredura para obtê-los no que acredita que deveria ser, mas no verdadeiro sentido, ele mudou para alguma outra área. Ao todo, para evitar um cenário em que o microchip em seu cão não possa ser encomendado, você deseja consultar as autoridades cruciais na área para saber qual microchip funciona melhor em sua região.

Quais Animais Podem Ser Microchipados?

Embora os cães tenham a quantidade máxima de microchips implantados, outras criaturas também podem receber exatamente o mesmo tratamento. O processo pode ser realizado em muitos animais, como cavalos, furões, gatos e outras criaturas. Muitos cães e gatos encontraram o caminho de volta aos seus donos originais, como resultado dessa tecnologia moderna que é o microchip.

Verdade Importante Sobre Notificação

Você ainda precisa colocar etiquetas de coleira em seus animais de estimação depois de implantar os microchips, em vez de todos entenderem que precisarão escanear os microchips se um animal for resgatado. Considerando o fato de os microchips serem um pouco mais sofisticados em tecnologia, muitos indivíduos ainda não estão familiarizados com ele, portanto, é fundamental realizar ações diferenciadas para garantir a segurança do seu animal de estimação. A única informação considerada essencial para aparecer sobre as tags é o número de contato, e não a sua fala. O salvador do animal deve saber o que fazer com a quantia, uma vez que a situação o exija. Para gatos, o rótulo da coleira deve ser colocado de forma que não fique emaranhado uma vez que a criatura esteja escalando ou investigando a natureza.

Além do mais, se você viajar para outro país com seu animal de estimação, é muito provável que os pré-requisitos para seus chips sejam alterados. Na Europa, os chips funcionam com 134,2 kilohertz, enquanto os Estados Unidos utilizam chips de 125 e 128 kilohertz. Algumas empresas nos Estados Unidos também começaram a implantar chips junto com a frequência europeia, o que significa que alguns scanners do país agora podem pegar a frequência rapidamente.

Em grande parte, certifique-se de que seus abrigos possuem scanners que podem ler o processador que você implantou e, o mais importante, se você alterar seu endereço ou número de contato, não se esqueça de atualizar suas informações de contato com o banco de dados de recuperação de seu animal de estimação para ganhe a prática de recuperar seu animal de estimação muito mais simples.